A ADORAÇÃO COMO ARMA DE GUERRA

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

A ADORAÇÃO COMO ARMA DE GUERRA

Mensagem  wilson em 10.05.08 5:33

A ADORAÇÃO COMO ARMA DE GUERRA

“ No entanto, está chegando a hora, e de fato chegou, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em Espírito e em verdade. São estes os adoradores que o Pai procura. Deus é espírito, e é necessário que os seus adoradores o adorem em espírito e em verdade”. ( João 4:23,24 )

Esse texto faz parte da conversa que Jesus teve com a mulher samaritana. Essa mulher, que tinha uma vida ilícita e infeliz, conheceu a Jesus, descobriu que Ele era o Messias e, logo depois já foi usada para impactar toda a cidade onde ela morava.
Embora ela tivesse acabado de conhecer a Jesus, Ele já fez questão de ensiná-la acerca da ADORAÇÃO. Jesus disse algo muito interessante que é revelação de Deus pra nós: há uma classe de pessoas que Deus procura!!! E não são os pregadores eloqüentes, ou os que praticam boas obras, nem tampouco os humildes, os honestos ou os trabalhadores. Jesus afirmou que Deus procura os ADORADORES.
Por isso, adoração é algo que precisa ser aprendido e praticado por todo discípulo de Jesus. Mais do que momentos agradáveis na presença de Deus, a adoração é uma arma poderosíssima na guerra de conquista das promessas em que estamos envolvidos.
É preciso aprender a usar essa arma!!

1) Aprendendo a adorar

Adorar é reconhecer quem Deus é e o que Ele faz! É exaltar os atributos de Deus não só com as nossas palavras ou canções, mas com as nossas atitudes. Adorar é render-se ao senhorio de Cristo. Adorar tem também o sentido de prostrar-se, inclinar-se diante de alguém.
Só Deus merece ser adorado!! Nada nem ninguém têm o direito de receber a nossa adoração. Foi isso que o próprio Deus ordenou, por exemplo em Êxodo 34:14: “ Nunca adore nenhum outro deus, porque o Senhor, cujo nome é Zeloso, é de fato Deus zeloso” .
Até na nossa fala, devemos evitar usar o verbo “adorar” em relação a qualquer coisa ou pessoa: você só pode ADORAR a Deus!!

2) A adoração nos leva à santidade

O pecado sempre será um tremendo empecilho para as nossas conquistas. Quando o povo de Israel, liderados por Josué, começou a tomar posse da terra que Deus lhes havia prometido, a primeira cidade conquistada foi Jericó: uma grande cidade, toda murada que foi facilmente tomada pelo poder de Deus que agia no meio do seu povo.
Logo em seguida, em Josué capítulo 7 , eles foram lutar contra uma pequena cidade que não oferecia grandes riscos. No entanto, foram derrotados! O motivo dessa derrota? Havia pecado no meio do povo!
È assim que funciona. O pecado nos afasta de Deus e conseqüentemente das suas bênçãos. Não há como viver em pecado e querer conquistar promessas. A santidade é a rota da conquista.
Pois quando aprendemos a adorar a Deus, passamos a conhecê-lo como o Deus que é SANTO, SANTO, SANTO. Não há como ficar diante de um Deus santo e continuar pecando. A adoração nos constrange a sermos também santos como é santo aquele que nos chamou. ( I Pedro 1:14-16 )

3) A adoração nos leva a ter um envolvimento direto com o Senhor da guerra

Adorar tem a ver com estar na presença de Deus, conhecendo o Seu coração. Quando isso acontece, recebemos dEle estratégias para as nossas conquistas. Nas grandes e pequenas decisões da nossa vida, precisamos da direção de Deus. Ele sabe a hora certa e a maneira certa de agirmos em toda e qualquer situação.
Por isso, quem tem tempo de comunhão com Deus, passa a conhecê-lo melhor e a ter a sabedoria dEle para tomar as decisões.

4) A adoração move a mão de Deus

Em II Crônicas 20, temos uma das mais tremendas histórias da Bíblia. Josafá era o rei de Israel naquela época e os moabitas e amonitas entraram em guerra contra Israel. O exército de Josafá não tinha a menor chance de derrotar os seus inimigos. Então, eles agiram como todos nós devemos agir diante de uma luta impossível aos nossos olhos: buscaram a ajuda do Senhor ( II Cr 20:4 ). E a estratégia que Deus lhes deu foi a seguinte: “ Vocês não precisarão lutar nessa batalha. Tomem suas posições, permaneçam firmes e vejam o livramento que o Senhor lhes dará. ( 20:17 )

A Bíblia diz que Josafá nomeou homens para cantarem ao Senhor e o adorarem na beleza da Sua santidade. Você pode imaginar milhares de soldados, prontos para a guerra, em vez de lutarem, todos cantando??? Parece até engraçado.... Mas, “ quando começaram a cantar e a entoar louvores, o Senhor preparou emboscadas diante dos homens de Amom e de Moabe e eles foram derrotados” ( II Cr. 20:22 )

A adoração repercute no mundo espiritual e traz vitória sobrenatural ao povo de Deus. Em vez de reclamar, adore! Em vez de chorar, adore! Em vez de se desesperar, adore! No meio da guerra, adore! Deus age quando O adoramos.


Não seja um adorador temporário ou momentâneo, daqueles que adoram o Senhor só quando as coisas vão bem. O contrário da adoração é a murmuração. Uma geração inteira deixou de conquistar a terra das promessas porque foram desobedientes e murmuradores.
Queira aprender a adorar ao Senhor. Comece a separar um tempo especial só pra adorar. Vigie seus lábios pra que deles constantemente saiam palavras de adoração, de gratidão e nunca de murmuração. Quando você adora, o inferno estremece e Deus age em seu favor.
Todos os homens que atingiram o coração de Deus o fizeram através da adoração. Nesses tempos de conquista, usemos da adoração como poderosa arma de guerra!!!


Ensine aos seus discípulos como entrar na presença de Deus com adoração. Você pode até ter um momento breve, porém especial de adoração no final da célula. Lembre-se que ninguém tem legalidade pra ensinar o que não pratica. Seja você, líder, um adorador verdadeiro, daqueles que o Pai procura e acha!

wilson
Admin

Mensagens: 38
Data de inscrição: 18/03/2008

Ver perfil do usuário http://ceadeusnilopolis.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A ADORAÇÃO COMO ARMA DE GUERRA

Mensagem  Jb50 em 03.08.13 11:42

O que quer vencer se Jesus já venceu o pecado e a morte e o diabo e se o maligno já não pode tocar do nascido de Deus faça o bem ou faça o mal (que sempre fará)?

O nosso bom combate (bom porque é impossível perder) é contra raciocínios e doutrinas que se levantam contra a verdade pelas pessoas usadas pelo maligno que ainda estão em suas mãos, mas não contra a pessoa do diabo; esse Jesus já venceu.

Quem faz guerra espiritual andando aso gritos e saltos para expulsar demônios em sua vida nega a eficácia do sacrifício de Cristo, e na verdade o que liberta o povo não são louvores, nem adorações, nem orações nem jejuns, mas o conhecimento da verdade do evangelho.

Porque se tal conhecimento não estiver no coração da pessoa, ainda que o demônio possa sair na altura, depressa voltará e tomará a pessoa de forma definitiva.

Entrar na presença de Deus? Quem já nasceu de Deus está sempre na presença de Deus porque Deus já habita nele para sempre.


Não há maior adoração do que reconhecer que Cristo é o senhor a anunciar a sua justiça e não cantar; a adoração é no coração (em espirito) e em verdade (conhecimento da palavra) que provém da fé no que Cristo fez e não na boca nem se baseia no que o homem faz.

Conheça a verdade no site da igreja dos eleitos

Jb50

Mensagens: 3
Data de inscrição: 03/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum